fbpx

A depressão é conhecida como o “mal do século’’, isso porque nos últimos anos a quantidade de pessoas com o transtorno aumentou de forma considerável, e as estimativas são de que a depressão seja a doença mais comum até 2030.

Pensar nesse futuro é assustador. Há diversos níveis de depressão, e para ser diagnosticado é necessário passar por uma consulta psiquiatra. Nessa consulta também serão receitados os medicamentos necessários para aliviar sintomas.

Os medicamentos ajudam, mas não resolvem o problema, por isso o processo de psicoterapia é indicado em casos de depressão.

O tratamento acontece geralmente em uma vez por semana, por 50 minutos, por um tempo indeterminado.

Em nosso artigo de hoje você vai saber como a psicoterapia pode ajudar nos casos de depressão.

1 – Ajuda a entender o motivo

Muitas vezes o processo de depressão se dá quando acontece alguma crise ou alguma perda na vida da pessoa, e nesses casos fica mais “fácil’’ saber a causa.

Mas há diversos casos onde a pessoa se deprime sem qualquer motivo aparente, e é somente dentro do processo de psicoterapia que ela vai entender de fato o que aconteceu. O processo se dá por meio de perguntas específicas, e de sua própria reflexão com o psicoterapeuta.

E claro, entender o motivo de estar depressivo é o primeiro passo para um tratamento de sucesso. Sabendo a causa podemos solucionar o problema.

2 – Não há julgamento

Estamos em 2019, mas não é incomum as pessoas acharem que depressão é preguiça ou mesmo “frescura”. Além disso, há sempre julgamentos em relação à doença, tudo isso pode piorar bastante o quadro do paciente, e deixar a pessoa ainda mais para baixo.

Há também aquelas pessoas que tentam ajudar, mas não sabem fazer isso da maneira correta, por isso verbalizam frases como “você consegue’’, “em breve vai passar’’, “é só uma questão de esforço’’ ou “dê tempo ao tempo”.

Quando estamos em um processo de psicoterapia para tratamento de depressão, o profissional de psicologia jamais irá emitir julgamentos ou simplesmente usar frases prontas.

Com o psicólogo você poderá contar com uma pessoa empática, que compreende o momento que você está passando. E além disso, que se coloca à sua disposição para uma escuta ativa e de qualidade e sem julgamentos.

Saber que pode contar com esse apoio psicológico e entender que o processo que você está passando é natural, e pode acontecer com qualquer pessoa, com certeza é um fator que contribui significativamente de forma direta e positiva na melhora.

3 – Escuta ativa

Às vezes o que nós precisamos é simplesmente falar, e só falar! A pessoa depressiva pode guardar tantas coisas para si, que quando solta e expõe para fora seus sentimentos, isso é terapêutico por si só.

O que quero dizer com isso é que falar pode aliviar sintomas depressivos, e te deixar muito melhor. A fala tem uma importância muito grande, e realmente dá a sensação de melhora e alívio imediato.

Mas quantas pessoas estão realmente a fim de te ouvir com qualidade? Quantas estão dispostas a parar para ouvir os seus problemas para genuinamente poder lhe ajudar?

Vivemos em uma sociedade imediatista e sem tempo, na qual encontrar alguém que possa nos ouvir nem sempre é fácil! Por isso desabafar com um colega não é o mesmo que se abrir para um psicólogo.

O psicólogo possui uma escuta ativa e de qualidade! Ele está ali por você, e para ouvir tudo que você tem a falar, sem interferências do meio externo, como celular, ruídos ou outras pessoas! O momento é seu.

A psicoterapia ajuda na melhora da depressão quando oferece um espaço acolhedor, sem julgamento, e com um escuta real! Isso só é proporcionado dentro do ambiente terapêutico, e por isso tem o seu valor.

4 – Mudanças de pensamento

Quando o quadro de depressão se instala, é muito comum que os pensamentos negativos estejam sempre acompanhando o indivíduo, ele acha que não é capaz, e que tudo vai dar errado, por exemplo.

Dentro do processo de psicoterapia, o paciente consegue entender que esses pensamentos negativos são irracionais, e volta a ter pensamentos racionais. A pessoa passa a analisar a situação como um todo, dessa forma, lembrando dos seus aspectos positivos, e de todas as outras conquistas que já foram realizadas.

Todo o trabalho é voltado na mudança de pensamento, e com isso, os comportamentos também são mudados. Isso é bem importante para o tratamento de depressão, a mudança de pensamento e de padrão de comportamento depressivo podem ser destrutivos, e o psicoterapeuta trabalha o tempo todo para desconstruir tudo isso.

5 – Evita os comportamentos suicidas

A depressão, em seu estado mais greve, pode levar ao suicídio. Inclusive não é raro que ocorra por adolescentes. Por isso, seja qual for o seu nível de depressão, a ajuda é necessária.

Com todas as coisas que já mencionamos, como escuta ativa, sem julgamento, espaço acolhedor, mudança de pensamentos e comportamentos, temos a melhora da doença, e consequentemente o afastamento dos pensamentos e dos comportamentos negativos e tendências suicidas.

A psicoterapia para a depressão não é somente algo muito importante, e sim algo indispensável.

 

E se você gostou das informações do nosso artigo de hoje, continue em nosso site para conferir mais sobre o tema.

Se desejar, pode entrar em contato para um agendamento via whatsapp (11) 99940-3900 ou por este Formulário de Contato 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Share This

COMPARTILHE